A estatística também perdeu por 7 x 0

Nate Silver, o estatístico americano que calculou com acerto os resultados das eleições americanas, não conseguiu o mesmo resultado com o modelo Soccer Power Index (SPI), que previa os resultados da Copa do Mundo de 2014.

Publicado no site fivethirtyeight.com, o modelo, que usa a distribuição de poisson para estimar os possíveis placares, deu a Alemanha 0,022% de probabilidade de fazer 7 ou mais gols. Seria uma chance em 4.500. E eles fizeram.

O modelo considerou a ausência de Neymar e Thiago Silva, e mesmo assim previa a vitória do Brasil. Nate Silver explica que os modelos podem falhar, justamente nos valores localizados nas extremidades da distribuição, na cauda. São os chamados outliers, ou Black Swan, na linguagem de Nassim Taleb.

Faz parte, até na estatística.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s